Faculdade Murialdo

Docentes da FAMUR participam de formação sobre Estratégias Ativas, ensino por competência e PPC

Na noite da última quinta-feira, 19 de novembro, ocorreu o workshop “Estratégias Ativas, ensino por competência e PPC”, um evento on-line promovido pela Comissão de Ensino em Medicina Veterinária do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Rio Grande do Sul, com o apoio da Faculdade Murialdo (FAMUR). O evento on-line foi ministrado pela professora Regina Werneck e contou com a presença de coordenadores e docentes de todo o Rio Grande do Sul. 

 

De acordo com Regina, o trabalho com as estratégias ativas tem uma diretriz: saber aprender é se tornar livre, mesmo em tempos onde existem avalanches de informações. “Então, ter a capacidade cognitiva de aprender, de gerir esse aprendizado (em todos os âmbitos de nossa vida), é ter a possibilidade de sair do pensamento robotizado que tanto nos querem impor. Saber aprender significa enxergarmos a realidade acima da ilusão. Então, saber aprender é se tornar livre. Acreditamos nisso e trabalhamos para isso”, salienta.

 

A palestrante esteve presente na Instituição por duas vezes e ressalta a sua relação com a Faculdade Murialdo. “Os professores têm um ‘espírito de equipe’, não possuem um pensamento individual, mas sim de colaboração. Fiquei muito feliz em perceber isso. Parabéns ao Murialdo. Isso faz toda a diferença na hora de colher os frutos desse trabalho”, ressalta. 

 

Para a coordenadora do curso de Medicina Veterinária da FAMUR, Dra. Fernanda Flores, a temática abordada é de extrema relevância para os cursos superiores, visto que está relacionada com a ressignificação do docente e da Instituição de Ensino para a oferta de cursos de qualidade. “A Faculdade Murialdo vem trabalhando com estratégias ativas desde 2016, o corpo docente recebe formações constantes e está alinhado com o propósito institucional que é ofertar um ensino de qualidade aos acadêmicos, contudo se faz necessário discussões contínuas sobre temáticas que envolvem o ensino e a aprendizagem. Acredito que a fala da professora Regina reforça a importância do ‘ser docente’ e das competências e habilidades necessárias a estes. Nos tira da zona de conforto para que possamos refletir e praticar a verdadeira ‘práxis’ educativa. Além de lembrar que um professor transforma a vida das pessoas e consequentemente da comunidade local e, por isso, temos um grande compromisso social”, afirma. 

 

Vale destacar que a Faculdade Murialdo se preocupa com a formação dos professores, por isso, promove diversas formações ao longo do ano. Em caso de dúvidas, a Instituição conta com plantão pelos telefones (54) 3537.0376 e (54)99934.6532 ou pelo e-mail atendimento@famur.com.br.

 

Imprimir Notícia