Faculdade Murialdo

FAMUR realiza primeira edição do Projeto Identidade Serrana

 

A ação ocorreu por meio do Núcleo de Pesquisa e Extensão Acadêmica da Faculdade Murialdo (NPEA)

 

A agricultura familiar é de suma importância para o Brasil. De acordo com a ONU, ela representa cerca de 84% de todas as propriedades rurais do país e emprega, pelo menos, cinco milhões de famílias. Na perspectiva do desenvolvimento da agricultura familiar, a Faculdade Murialdo (FAMUR) promoveu, na última segunda e quarta-feira, 3 e 5 de setembro, a primeira edição do projeto “Identidade Serrana: do estímulo ao fomento da Agricultura Familiar da Serra Gaúcha”. O evento, que acorreu na Unidade Sede (Rua Marquês do Herval, número 701), buscou estimular as iniciativas voltadas à atividade familiar no campo, por meio de oficinas de capacitação e da mostra e exposição de seus produtos.

 

Na segunda-feira, dia 3 de setembro, às 18h15min, foi realizada a oficina “Boas práticas de Manipulação e na Comercialização de Alimentos”, com a assessoria da Dra. Ivana Greice Sandri. Já no dia 5 de setembro, quarta-feira, ocorreu a Feira e Mostra de Produtos da Agricultura Familiar. Organizada pelos acadêmicos do Agronegócio, a exposição/feira apresentou diversas iniciativas de empreendedorismo, bem como a vocação produtiva da comunidade acadêmica da FAMUR, de seus estudantes, familiares e egressos.

 

O projeto, além de promover a agricultura familiar, aproxima a comunidade acadêmica da FAMUR com os produtores da região. Para o coordenador do curso de Agronegócio, professor Dr. Ricardo Stein a agricultura familiar é a base da economia, tanto no estado, quando no país. “Precisamos estimular a nossa comunidade acadêmica a mostrar o seu trabalho, suas atividades e seus produtos, aliando o aprendizado que eles têm em sala de aula”, afirma.

 

A acadêmica do segundo semestre do curso de Agronegócio, Francizeli Pires de Lima conta que gostou participar da atividade. “Essa exposição faz com que possamos mostrar o nosso trabalho e o nosso aprendizado para a comunidade. Além disso, o contato com o público é muito gratificante”, salienta. O evento também contou com a participação de pais e familiares do Colégio Murialdo. De acordo com a mãe do aluno Kalel D. Carvalho, Kátia Damasceno Carvalho a iniciativa da FAMUR é ótima. “Nós, pais, podemos conhecer melhor a Instituição e adquirir produtos naturais, direto dos produtores. Com isso, diminuímos o consumo dos industrializados”, destaca.

 

O evento é uma realização do Núcleo de Pesquisa e Extensão Acadêmica da FAMUR (NPEA) e ocorrerá mensalmente, nas primeiras segundas e terças-feiras de cada mês. A edição do mês de outubro já está prevista para os dias 1º e 2.

 

Fotos: Daniela Basso

Imprimir Notícia